No último sábado, 2 de março, o UFC 235 trouxe grandes emoções para fãs de artes marciais mistas em todo o mundo. Realizado na T-Mobile Arena, em Las Vegas, o evento reuniu alguns dos melhores lutadores do momento para disputas emocionantes em diversas categorias.

Uma das lutas mais aguardadas da noite foi a do campeão dos meio-pesados, Jon Jones, contra Anthony Smith. Jones é considerado por muitos o melhor lutador peso por peso da atualidade, mas Smith demonstrou coragem e resistência ao encarar o campeão. Ainda assim, a superioridade técnica do norte-americano ficou evidente durante toda a luta, que terminou com vitória de Jones por decisão unânime dos juízes.

Outra luta que chamou a atenção foi a do ex-campeão dos meio-médios Tyron Woodley contra o desafiante Kamaru Usman. Ambos os lutadores têm histórico de vitórias por nocaute e finalização, mas a luta acabou sendo decidida no chão, com Usman dominando Woodley ao longo de toda a disputa. No final, Usman levou a melhor por decisão unânime dos juízes e conquistou o cinturão dos meio-médios.

Mas o UFC 235 também trouxe grandes surpresas, como a vitória de Pedro Munhoz sobre Cody Garbrandt, ex-campeão dos galos. Munhoz, que não era a aposta favorita para a luta, surpreendeu a todos ao nocautear Garbrandt no primeiro round. O resultado emocionou não só o lutador brasileiro, mas também seu treinador e compatriota, Rafael Cordeiro.

Além dessas lutas, o UFC 235 contou com outras grandes disputas, como a vitória de Zabit Magomedsharipov sobre Jeremy Stephens e a finalização de Diego Sanchez sobre Mickey Gall. A noite de lutas em Las Vegas ainda teve a presença ilustre de celebridades como Tom Brady, David Beckham e Megan Olivi.

Em resumo, o UFC 235 foi uma noite de grandes emoções para os fãs de artes marciais mistas. Com lutas emocionantes e resultados surpreendentes, o evento mostrou que o universo do MMA continua a se renovar e a encantar o público em todo o mundo.